Pode ter certeza, se perguntar para um grupo de crianças o que querem ser quando crescerem, algum menino ou menina vai responder: veterinário! É o sonho de muita criança e de muito adulto por ai. Mas nem sempre dá pra cursar uma faculdade de veterinária, seja pelo custo elevado, tempo ou porque ainda não conquistou o ensino médio ainda.

Mas dá pra trabalhar em outras funções dentro desse mercado, que movimentou mais de R$ 16 bilhões em 2014. Pode ser desde o dono de um pet shop, como um balconista, tosador, ou “dog walker”, que é o profissional que leva os cachorros para passearem.

Existe também a profissão de esteticista pet, que é o responsável desde a higiene básica como banho e tosa simples até procedimentos mais complexos como tosa na tesoura e tratamento dos pelos do animal.

Hoje alguns esteticistas pet são tão prestigiados como bons cabeleireiros e tem sua agenda cheia, sendo difícil para um dono achar um horário livre para cuidar de seu bichinho.

Algumas escolas especializadas nesse treinamento, como a Unipet, chegam a ter várias filiais pelo Brasil e várias turmas.

E o melhor de tudo que mesmo com a crise brasileira, o mercado pet vai continuar crescendo em 2015 e 2016, na contra-mão do resto do mercado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here