As notícias não são boas, segundo pesquisa da FecomercioSP o emprego no comércio no estado de São Paulo tem caído. Só em julho de 2015 foram perdidas 5.135 vagas. Do total de vagas preenchidas, estamos com a quantidade um pouco abaixo de julho de 2013. Ou seja, andamos pra trás 2 anos, todo o progresso conquistado nesse período se foi, e a tendência não é boa.

A expectativa para as vendas no natal não são boas, as vendas estão caindo, os consumidores que estão desempregados tem outras prioridades e quem está empregado está mais cauteloso e teme perder o emprego ou a situação do Brasil piorar, então acaba segurando o dinheiro.

Para o comerciante a saída é abaixar os preços, fazer promoções e tentar diminuir os custos, o que não tem sido fácil, já que os gastos aumentaram, como energia elétrica, por exemplo, que teve um aumento de mais de 40% só em 2015.

O comerciante que depende de muito transporte para sua mercadoria também tem sofrido com a dificuldade de baixar ou manter os preços, já que em outubro a gasolina teve um reajuste de aproximadamente 6%.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA